Dicas

Roupas de frio infantil: 9 dicas para você seguir!

Publicado em 05.04.2024 |
Visualizações
29 visualizações

O inverno, assim como outras estações que tenham períodos de chuvas e ventos, traz um desafio na hora de vestir as crianças: como protegê-las sem abrir mão do conforto

Escolhendo roupas de frio infantil que sejam mais apropriadas.

1 - Construa camadas de roupas

menino posando para foto

Uma estratégia que faz muito sentido é criar camadas de roupas. Elas são importantíssimas para regular a temperatura corporal das crianças.

Mas, o que seria essa camada? É pensar em uma ordem lógica de peças que podem ser adicionadas ou retiradas, conforme o clima.

Por exemplo, começar com um body de manga comprida é uma ótima ideia.

Após isto, partir para as roupas infantis mais quentes, como macacões e casacos.

Se preciso, acrescente cobertores e mantas para aquecer ainda mais os pequenos e as pequenas.

2 - Body de manga comprida é essencial

A partir da ideia acima, fica mais fácil entender porque o body de manga comprida é uma peça essencial que deve estar no guarda-roupa dos bebês e das crianças.

Essa opção fica em contato direto com a pele das crianças, mantendo a temperatura do corpo.

Sendo assim, pensando em dias frios, é bastante interessante que se tenha bodies com tecidos confortáveis e respiráveis.

Ao passo que as fibras naturais, como algodão, se tornam as melhores escolhas para vestir as crianças nessa estação.

3 - Calça de moletom

As calças feitas para o inverno, geralmente as de moletom, são peças quentinhas e propícias para os dias frios.

Inclusive, costumam ser mais específicas para os dias em que as temperaturas estão mais baixas.

O moletom é bastante confortável, suaves e feitos de algodão.

Outra vantagem é que ele pode ser usado em diversas ocasiões, como em casa, na escola, na casa de amigos, em festas infantis, etc.

Ele é perfeito para se encaixar em diferentes lifestyles.

Para as meninas, a legging pode ser uma ótima pedida.

Em alta em quase todos os momentos da vida, a verdade é que este é um dos modelos-coringa do vestuário infantil.

O produto é confortável e também pode servir como peça-base durante o frio.

4 - Conjunto de frio

meninos usando roupas de frio infantil

Os conjuntos infantis do inverno são formados por calças e blusas, geralmente.

Os pais preferem já que não é preciso combinar as peças separadamente, por isso elas são planejadas para serem usadas juntas.

Também é uma ótima ideia para o enxoval do bebê.

Os conjuntos colaboram com a praticidade na hora de vestir as crianças.

Inclusive, vale a pena se atentar às modelagens e tamanhos, já que são produtos que podem ser a última camada de roupa, sendo que modelos mais largos costumam dar mais certo.

5 - Macacão é uma ótima opção

O macacão é um produto-chave do universo infantil para o guarda-roupa das crianças.

Ele é uma peça única, que permite mais facilidade no momento de trocar a roupa ou a fraldas dos pequenos.

Os macacões costumam agradar muito às mães e pais, principalmente nos primeiros de vida, quando algumas ações ainda não são feitas com tanta praticidade.

Há modelos de todos os tipos e cores, sendo produtos ótimos para proteção contra o frio.

6 - Aposte em casacos e blusas de lã

meninas usando roupas de frio infantil

As roupas de lã são caracterizadas por serem mais apropriadas para o frio.

Podemos notar isso na rotina das pessoas que moram mais ao Sul do Brasil, assim como em países europeus, nos quais o frio está presente na maior parte do ano.

O curioso é que as blusas possuem “espaços vazios” e esses furinhos permitem que as peles das crianças respirem.

Por isso, além de serem ótimas para o frio, também são confortáveis. Os casacos também são opções interessantes, quando feitos em algodão.

7 - Não se esqueça dos pés e das mãos

Os pés e mãos são extremidades do corpo das crianças, o que significa que perdem calor mais rápido.

Assim, é muito importante que eles estejam sempre protegidos contra o frio.

São produtos indispensáveis, garantindo conforto térmico para as crianças.

Hey, uma ótima sugestão é faz um bom uso delas, quando as crianças forem expostas ao ar livre com uma frequência ou um período de tempo mais longo.

8 - Proteja a cabeça

Continuando a falar sobre as extremidades do corpo, saiba que a cabeça das crianças também devem ser protegidas.

Use gorros ou toucas que sejam feitas de matérias-primas mais sofisticadas e que sejam próprias para esquentar os pequenos.

O importante é cobrir a cabeça durante os passeios, inclusive, os ouvidos. Assim, a friagem se mantém longe.

Tanto é que os bebês usam o acessório logo que nascem e nesse momento a cabeça representa 1/3 de todo o corpo.

9 - Roupas extras na bolsa

Além das dicas acima, ainda sobre as roupas de frio de infantil, é importante sempre ter roupas extras na bolsa quando for sair de casa.

Afinal, as trocas podem ser necessárias, se as crianças se molharem, por exemplo.

E até mesmo no inverno, o clima pode mudar a qualquer momento.

O que significa que pode ser interessante tirar algumas camadas de roupas, assim como incluir outras, dependendo da necessidade do clima atual e do momento.

Fique atento à temperatura e não à estação do ano!

Sempre que o inverno começa, existe o hábito de tirar as roupas do inverno que estão no guarda-roupa.

No entanto, é preciso lembrar que o mundo todo está passando por mudanças climáticas, exigindo atenção.

Muitas vezes, os climas estão mais rigorosos, porém, sem seguir com tanta exatidão as estações do ano.

Você já deve ter notado que o sol quente surge no inverno. Assim como pode fazer muito frio no verão.

Esses movimentos, antes incomuns, estão acontecendo.

Por isso, o recomendado é sempre se atentar a temperatura para garantir o melhor conforto das crianças.

É um erro criar camadas de roupas se a temperatura estiver alta, isto é, calor. Por isso, mesmo no inverno, use termômetros e o bom-senso.

Aceite os cookies e tenha uma melhor experiência em nosso site, consulte nossa Política de Privacidade.